Nota Oficial – Assinatura do Termo de Compromisso das Torcidas Organizadas

Na manhã desta terça-feira (1), os Gaviões da Fiel estiveram presente na reunião com o 2º Batalhão da Polícia de Choque para tratar da liberação dos instrumentos e materiais das Torcidas Organizadas nos estádios do estado de São Paulo e formalizar, por meio de um Termo de Compromisso, as responsabilidades de ambos os lados.
Entretanto, fomos notificados no início da reunião que o Ministério Público de São Paulo acatou a decisão judicial do Rio de Janeiro a respeito da punição estabelecida às Torcidas até que seja julgada a ação civil pública ajuizada pelo MP-RJ. Sobre esta liminar, o jurídico dos Gaviões da Fiel já entrou com pedido de recurso e, nesse momento, aguarda a resposta da Justiça nas próximas semanas.
De qualquer forma, esclarecemos que os Gaviões da Fiel não assinaram o documento porque iremos resolver a pendência no RJ e também por não concordar com alguns pontos do documento que, na nossa avaliação, precisam ser discutidos com mais profundidade, como o Plano Preventivo de Segurança; a proibição de torcidas visitantes; e a análise individual das proibições/punições generalizadas às entidades e seus sócios.
Deixamos claro que gostaríamos de contribuir de fato com as medidas que garantam a segurança de torcedores ao mesmo tempo em que não se limite o direito de fazer a festa nas arquibancadas. Continuaremos na luta pelo nosso direito de torcer e adentrar nos estádios brasileiros com nossos instrumentos, faixas e materiais.
Os Gaviões da Fiel desejam a volta da festa, da alegria e da paz nos estádios. Acreditamos que quanto mais festa, mais bandeiras, mais cânticos e mais instrumentos, a violência deixará de existir no futebol. Acreditamos que sem proibições teremos mais alegria e festa nos estádios, pois foi assim que fizemos durante esses 48 anos de existência nas arquibancadas.
 
Gaviões da Fiel Torcida